sexta-feira, 25 de junho de 2010

A viagem para Água Preta em Pernambuco

A viagem para Água Preta em Pernambuco, uma das cidades afetada pela enchente em 2010 foi um desafio...
Saímos do Agreste de Pernambuco levando donativos, sob ameaça d e sermos saqueados no caminho, segundo informações, vários fugitivos de um presídio estavam saqueando os carros que passavam na região...
Ao no aproximar da cidade de Catende em PE, já era possível perceber a destruição causada pela enchente.

Em Água Preta, também em Pernambuco as pessoas nos contaram que a água veio repentinamente como uma onda, ninguém conseguiu salvar seus móveis e outros objetos pessoais. Um cenário triste para quem construiu com dificuldades um lugar para viver morou ali por 30 ou 40 anos, agora viu tudo indo embora em segundos...
Talvez por causa da copa do mundo e do São João muitas pessoas ainda não perceberam a dimensão da tragédia que ocorreu no Nordeste Brasileiro...
Barreiros, Palmares, Água preta, cortês, mais 50 municípios só em Pernambuco estão situação de calamidade. Foram 3 estados afetados, mais de 100 mil desabrigados no total...
Estivemos em Água Preta, levando os poucos donativos que conseguimos de imediato: alimentos roupas e lençóis...
As pessoas estão muito assustadas com tudo o que aconteceu. Em cada sacola de donativos colocamos uma mensagem bíblica, quando dizíamos para lerem, os olhos das pessoas brilhavam...
Estamos em campanha juntando donativos para levar novamente para os desabrigados em Barreiros. Acesse http://www.paoevida.org/
O cenário em toda região é como o Haiti depois do terremoto... ou como se um furacão tivesse passado e varrido tudo.
As famílias perderam tudo. A cidade está sem luz elétrica. Levamos alimentos e roupas.

 O clamor que ouvimos lá, dia 24 de junho foi: precisamos de comida, precisamos de comida e colchões.
Estamos aceitando donativos, principalmente cestas básicas e colchões para levarmos...
A dificuldade tem sido grande para conseguir donativos...
Diante de uma tragédia dessas, quando buscamos ajuda, algumas pessoas se resumem a dizer: já passou alguém aqui pedindo...

As enchentes no Nordeste foram terríveis para as pessoas que vivem nas regiões afetadas.
As pessoas pensam que ajuda do governo já chegou, que o povo tem tudo por lá, Dia 24 de junho, 6 dias após o ocorrido o presidente estava sobrevoando a região, Isso significa que o dinheiro para reconstrução ainda vai demorar para chegar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário