quarta-feira, 27 de junho de 2018

ATENDIMENTO ODONTOLÓGICO NO SERTÃO.

O penúltimo final de semana de junho no Nordeste, é marcado por festas juninas, e muitos aproveitaram visitar parentes, viajar, descansar. Não foi assim para nós que fazemos a ONG Pão é Vida.  Tivemos um fim de semana de atendimento no consultório odontológico do Sertão. Dezenas de pacientes (adultos e crianças) forma atendidos por Dr. Ricardo e Dra. Lady, metade deles fizeram mais de 1 procedimento, (restauração + extração).
Embora o programa Brasil Sorridente do governo federal divulgue em seu portal que 70,6 milhões de brasileiros tem acesso a saúde bucal. Os habitantes do Sertão do Moxotó reclamam que vão ao PSF é inútil, sempre voltam sem atendimento; são informados não haver material para os procedimentos básicos.
Não temos como dar conta da demanda que é grande, e de responsabilidade do poder público. (Possui verbas para efetivar as políticas públicas). O que fazemos aqui é fruto de um trabalho voluntário.
Em muitas situações somos nós, os voluntários que nós quem juntamos para custear os projetos. Recentemente precisamos de um compressor maior e construir um espaço de alvenaria para abriga-lo. Foi a união de pessoas amigas que tornou possível a compra. Depois tínhamos que instalar.  O técnico veio fazer o serviço. Após terminar toda instalação, se comoveu de ver o esforço de todos nós, e deixou o serviço por um valor simbólico. Ele se deslocou do Recife até o Sertão, exclusivamente para fazer a instalação do compressor e um reparo na cadeira odontológica. Somos gratos a cada um daqueles que se recusa ficar inerte, mesmo tendo suas prioridades, se dispõe cooperar com o projeto que leva saúde bucal para quem precisa.
Faz mais de 3 anos que Dra. Lady e Dr. Ricardo Borges disseram: - Joana, estamos juntos nisso, vamos levar saúde bucal aos sertanejos. Na sexta feira dia 22 de julho, eles enfrentaram estradas péssimas para chegar até o Sertão do Moxotó. Eles possuem um carro bom, mas quem quer usar seu carro em estradas horríveis para ser voluntário? Poucos, bem poucos! Não é sempre que profissionais da área de saúde, rodam 860 KM para fazer diferença na vida de alguém. A ação poderia ter sido com dentistas que moram em cidades mais próximas? Sim, poderia, mas empolgação, é muito diferente de comprometimento.
Eles nunca se recusaram vir por ser longe, ou ter um péssimo acesso. Quando coloquei no papel o projeto para o Moxotó, até imaginava as pessoas se mobilizando para adentrar os sertões e abençoar vidas. Mas, quem era eu? Porque alguém se importaria com aquilo eu me importava? Nos últimos 12 anos, enquanto expectadores ficaram observando, e pasmem, alguns até torcendo para os projetos não irem adiante, vieram os realizadores e fizeram diferença na vida das pessoas... São Já eles, paulistanos, gaúchos, Pernambucanos, catarinenses, alemães, americanos. Médicos, dentistas, professores, empresários, arquitetos, dentistas, pastores, levitas, treinadores, coachies, psicólogos, assistentes sociais. Gratidão à Deus, e Ele quem traz cada pessoa até o Sertão do Moxotó. Ricardo Borges, Lady Meire, Marcio (técnico da Gnatus) em nome da comunidade e da Pão é Vida, recebam nosso agradecimento.
OUTRAS NECESSIDADES PARA MANUTENÇÃO DO PROJETO
Todo material clínico precisa ser comprado, tem sido custeado pela ONG, precisamos de mais instrumentais e parceiros que adotem o projeto. 
Graças ao apoio de 1 cristão do Rio de Janeiro estamos colocando o gesso, precisamos climatizar o ambiente, não é luxo. Na maior parte do tempo a temperatura beira os 40 graus, atender nestas condições é desafiador.
TITULARIDADE: Associação Pão é Vida - CNPJ: 08.316521/0001-64
Deposite sua contribuição para: ASSOCIAÇÃO PÃO É VIDA - Agência: 0361-1 Conta corrente: 15.422-9 - Banco do Brasil.  
INAJÁ – Espaço social e consultório no Sítio Baixa II
SÃO PAULO: Rua: Diógenes Taborda 16, Casa II – Jd. Eledy - CEP: 058.56-030.

Fan page: https://www.facebook.com/ongpaoevida/
Não temos convenio com poder público, nossas ações de desenvolvimento local & geração de renda, até hoje, foram realizadas com doações voluntárias de pessoas físicas e ou jurídicas. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário