PROJETOS & PROGRAMAS

          
OÁSIS DO MOXOTÓ - É um programa da ONG Pão é Vida iniciado em 2011 com a perfuração do 1º poço no Sertão de Inajá, zona rural de Pernambuco. De lá para cá foram 6 poços perfurados.
ONG Pão é Vida investiu junto com parceiros no plantio de melancia irrigada, e a experiência provou que é possível produzir, o investimento em insumos agrícolas não é alto, mas, aumenta em função de que a água para irrigar a terra arenosa é bombeada usando energia elétrica, oriunda de poços com profundidade entre 120 a 170 Metros.
Cerca de 70 dias após o plantio é possível colher as melancias e, durante a colheita surgem outras dificuldades. Nessa região é o acesso dos caminhões ao local para retirar a produção é precária, não há estradas, são trilhas feitas pelos moradores do lugar, expondo o descaso do poder público com a comunidade. 
Na região de Inajá e Manari, os pequenos produtores vendem toda a produção de melancia para os atravessadores, que se aproveitam da falta de estrutura deles, isso consiste um entrave para o desenvolvimento local e a manter a motivação para os agricultores.
É comum ver que após fazer todo o investimento, o agricultor sofrer com questões como oferta e demanda que varia bastante, e a disparidade do preço que vende é 5 a 7 vezes inferior ao preço final ao consumidor.
Embora o Semiárido tenha sido citado com prioridade, no “Mais Irrigação” programa lançado pelo governo em 2013 prevê investimentos de R$ 10 bilhões em propriedades rurais. Não vemos ainda os pequenos agricultores das regiões mais carentes recebendo nenhum tipo de capacitação ou subsidio do programa. Implementar o "Mais irrigação" em áreas carentes do Semiárido, é certamente é um projeto desafiador, que precisa de uma eficaz fiscalização por parte do poder público.
Para o pequeno agricultor que esbarra na burocracia quando tenta subsidio, sobra a tristeza de ver que seu Pais dispõe de cartilhas elaboradas por excelentes teóricos, e ótimas propagandas feita por exímios marqueteiros, mas, não investe para que o pequeno produtor tenha o acesso aos benefícios citados nelas.
Se não fosse as iniciativas de atores sociais, os habitantes do Sertão do Moxotó (zona rural de Inajá e Manari) já teriam deixado de existir ou migrado para as cidades.


 MUTIRÃO SOLIDÁRIO 
Um projeto itinerante que já foi realizado em estados brasileiros. Um mix de atividades simultâneas como: palestras preventivas, cortes de cabelo, atendimento preventivo de saúde, oficinas de decoupage, artesanato em tecido, biscuit, peças de teatro, filmes educativos e preventivos.      
                                             NATAL COM MESA FARTA
 É uma campanha que visa promover um Natal com Mesa Farta para as famílias carentes atendidas pela instituição.
O trabalho de mapeamento é feito em comunidades onde desigualdade social é percebida. Todos os anos durante o mês de dezembro reunimos parceiros e voluntários que distribuem cestas com gêneros alimentícios para famílias que vivem em situação de exclusão social.
                                       NATAL NO SERTÃO DO MOXOTÓ.
Há 2 anos aprimoramos o programa Natal com Mesa Farta, preparando uma grande ceia natalina que é ofertada gratuitamente em um espaço comunitário no Sertão do Moxotó. Temos contado com nossos parceiros de missão para esse projeto, dentre eles a Rota do Mar (empresa de Santa Cruz do Capibaribe) e Ação Solidária no Sertão, que está atuando no Sertão ajudando na diminuição da miséria.





                                             TEATRO DE FANTOCHES 
Diversas histórias como: Grito de socorro (meio ambiente), preconceito, tô fora! (cidadania), o maior tesouro (Bíblica), um super herói de verdade (bíblica), a grande descoberta (Ética e Família) são usadas para ensinar sobre valores cristãos, ética e tolerância.


                                         CONSTRUTORES DE LAR
ONG Pão é Vida firmou parceria com a CEPC em 2005, quando o casal fundador da instituição, Ronaldo e Joana D`arc estiveram estudando por um ano (manhã, tarde e noite) no Centro de missões Urbanas da Missão; são treinadores aptos a utilizar os métodos e materiais da C.E.P.C (Campus Crusade for Christ).
Family Life- É o nome do ministério com casais da Campus Crusade, que iniciou nos EUA por volta de 1978, desde então, tem crescido e se espalhado tanto nos Estados Unidos como em outros países, conta com vários recursos para fortalecer o relacionamento entre os casais, dentre eles: os pequenos grupos, Jantares e seminários para casais e pais.
Interessados ligar para o fone tim (81) 99752 0140 whats App.

                                CINEMA NA COMUNIDADE
Um projeto que leva a 7ª arte até comunidades carentes, exibindo filmes gratuitamente em sítios e povoados Nordestinos. O projeto já exibiu filmes e visitou 57 comunidades, dentre elas: Malhada, PE, Vila do Pará, Santa Cecília, PB, Cecília de cima, PB e Cecília de baixo, PB - Vertentes do Lério, PE, na Palestina e Polis pacas (bairros de Santa Cruz)  - São José do Mipibu RN, Embu das Artes, SP, Caraúbas, PB, Passagem, PB. Toritama PE

                                 VENCENDO NO JOGO DA VIDA

Este é um programa social para crianças e adolescentes que acontece há 3 anos, são cerca de 40 adolescentes que jogam futebol no projeto denominado: vencendo no jogo da vida, que acontece todos os sábados pela manhã das 8 ás 10hs na Rua Assis Chagas, 304 - (vizinho a casa do bolo) e durante a semana na Vila do Pará.

Dia 27 de julho de 2015, vencendo no jogo da vida recebeu a doação do uniforme para os times.
Agradecemos a empresa Rota do Mar pela doação de uniformes e por estarem sempre presente em nossas ações.

Há uma parceira entre a ONG Pão é Vida e a PIB de Santa Cruz para possibilitar esses momentos. Os treinos ocorrem no Bairro Cruz alta e Vila do Pará. Contamos com a coordenação do Zé do Pará e voluntários.
Dia 18 de julho foi realizado um jogo entre as equipes da Vila do Pará X Cruz Alta e os meninos usaram pela primeira vez o uniforme doado pela Rota do Mar para as equipes. Após o jogo tomaram preparamos frutas e suco para repor as energias da turminha.


Jogar futebol e aprender princípios - Porque "Vencer no jogo da vida" é mais importante é do que vencer uma “partida de futebol”.
                     OFICINAS DE LEITURA EM ESCOLAS E COMUNIDADES
Método utilizado para que as crianças e adolescentes desenvolvam o prazer da leitura. Nos projetos itinerantes levamos o Baú do tesouro contendo livros para ensinar o verdadeiro valor de cada obra literária, bem como incentivar o hábito da leitura.
Livros da AMME são doados para as crianças que participam das oficinas, deste modo, é possível ensinar princípios de amor ao próximo e cidadania, para crianças  e adolescentes.             
                    CURSOS DE INFORMÁTICA E COSTURA 
A ONG Realizou gratuitamente por 6 anos, cursos de corte & costura, Informática básica e cabeleireiro em Santa Cruz do Capibaribe. A instituição consolidou o objetivo de ofertar cursos para famílias em situação de risco social no início de 2010. E foi implementada em parceria com a ROTA DO MAR e a PIB em Santa Cruz. As primeiras turmas concluíram os cursos dia 23 de julho 2010 e ao longo desses anos. 31 turmas concluíram cursos de costura, informática, cabeleireiro. A maioria das pessoas capacitadas foram inseridas no mercado de trabalho do Agreste de Pernambuco.




              OFICINAS DE ARTESANATO & CUSTOMIZAÇÃO
 eja utilizando fuxico, aplicação de miçangas ou bordados, a customização é um processo manual e exclusivo. A utilização de diversas técnicas é aplicada nas oficinas gratuitas que realizamos em comunidades do Sertão do Moxotó.
O material para as oficinas é comprado pela ONG Pão é Vida ou doado por algum parceiro do projeto.  Os participantes se surpreendem ao serem informados que podem levar o objeto que foi produzido durante a oficina para casa.
Mulheres aprendem diversas técnicas, e a partir dessas técnicas, elas podem confeccionar tapetes, jogos para banheiro, conjuntos para cozinha e assim possibilitar a geração de  renda. 
Utilizamos espaços físicos nas comunidades: como escolas, associações de moradores, igrejas para promover as oficinas.


TCU IDENTIFICA POLÍTICOS RECEBENDO O GARANTIA SAFRA
Um fraude comum é o desvio das verbas do garantia safra, a prova disso foi que Em março de 2014 o TCU identificou Políticos e donos de carros de luxo recebem verba antiseca, um prefeito, vereadores e até donos de carros de luxo foram beneficiados com verbas de programa federal criado para socorrer pequenos agricultores castigados pela seca no Nordeste. Fonte? http://tribunadaride.com.br/tag/desvio/#
Para promover o desenvolvimento local em comunidades carentes gerando emprego e renda na Zona Rural de Inajá, no estado de PE. 

        FATORES QUE EMPERRAM O DESENVOLVIMENTO NA AGRICULTURA FAMILIAR
O abandono a Assistência Técnica Permanente para o agricultor familiar no Semiárido Nordestino foi tema de uma matéria, segundo Azevedo Carneiro, o atual governo não tenha uma visão descentralizada, no sentido de desburocratizar o repasse dos recursos para a assistência técnica, e isso ocasiona um dos principais obstáculos apontados pelos agricultores familiares. Leia na fonte: http://www.umarizalnews.com.br/2012/07/o-abandono-assistencia-tecnica.html
A ideia de “combate à seca” considerada hoje como ultrapassada por muitos teóricos porque se concluiu após vários estudos, que a estiagens sempre ocorrem, e por isso, é preciso "conviver com o clima Semiárido", desenvolvendo projetos que possibilitem o melhor aproveitamento e distribuição da água, perfurando poços para irrigação, construindo barragens e etc...
No entanto, até bem pouco tempo, em vez de disseminar políticas de "convivência com o semiárido", o governo federal empreendia o "combate à seca" – e isso desde que o imperador Dom Pedro 2° autorizou a construção do açude do Cedro, uma das primeiras grandes obras públicas de combate à estiagem, em 1880, passando pela fundação do atual Departamento Nacional de Obras contra a Seca (Dnocs), em 1909, e, na segunda metade do século XX da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) e outros órgãos. Fonte: http://noticias.terra.com.br/no-nordeste-politica-de-convivencia-com-o-semiarido-substitui-combate-a-seca,0b72448f242bb310VgnCLD2000000dc6eb0aRCRD.html.
TITULARIDADE: Associação Pão é Vida - CNPJ: 08.316521/0001-64
Deposite sua contribuição para: ASSOCIAÇÃO PÃO É VIDA - AGÊNCIA: 0361-1 CONTA CORRENTE: 15.422-9 - BANCO DO BRASIL.  (Código para depósitos internacionais)  (SWIFF) BRASBRRJRCE.
SEDE: Rua: Diógenes Taborda 16, Casa II - Jardim Eledy - CEP: 058.56-030 São Paulo / SP
SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE - Vereador Severino Ribeiro da Silva 94 – Bairro Novo em 
INAJÁ - BASE OPERACIONAL NO SITIO BAIXAS
CURRAIS NOVOS: Av. Rodolfo Pereira , 422 - Parque Dourado.
Nosso site: www.paoevida.org e o nosso twitter é http://twitter.com/#!/ongpaoevida

Não contamos com ajuda financeira governamental. Nossas ações de inclusão social são realizadas com doações voluntárias de pessoas físicas e ou jurídicas.